Press Release


Assessoria de Imprensa

Notícias, Press Release

F2N e Stella Barros criam pacotes para Foz do Iguaçu


Evento que reúne luta e festa e operadora de turismo, oferecem pacotes especiais para quem quer aproveitar o fim de semana prolongado, com o feriado de 1º de maio

No dia 28 de abril, Foz do Iguaçu recebe a segunda edição do Fight 2 Night, selo criado por Bruno Gagliasso, Roberto Baldacconi, Pedro Rizzo, Chico Salgado e Igor Morgado. O evento acontece no Rafain Palace Hotel e reúne luta e festa em um único local. Quem quiser curtir de perto essa experiência pode contar com pacotes exclusivos da agência de turismo Stella Barros, operadora oficial do evento.

São duas opções de pacote – com hospedagem no hotel Viale Cataratas e Rafain Palace Hotel (local do evento) e valores por pessoa a partir de R$ 1852 e R$ 2385, respectivamente – que incluem três noites de hospedagem com café da manhã, traslado aeroporto/hotel/aeroporto, passeio nas Cataratas brasileiras (sem ingresso), visita à Hidrelétrica de Itaipu (panorâmica sem ingresso) e um ingresso para o Fight 2 Night.

O card de lutas é composto por dez lutas com atletas nacionais e internacionais e as disputas no hexágono têm início às 20h30 com duas lutas peso-palha do card preliminar, composto pelos brasileiros Jhonata Silva, que enfrenta Victor Carvalho, e Marina Alcalde vs. Samara “Marituba”. Em seguida, acontecem as quatro lutas do GP WELTERWEIGHT F2N, na categoria meio-médio masculino. Estão escalados os brasileiros William “Patolino” -finalista do The Ultimate Fighter Brasil 2, Luiz Cado – conhecido como Golden Boy, Junior Marques, Handesson Ferreira – o Crazy Boy, Edi de Castro e Junior Orgulho, o argentino Matias Juárez eo paraguaio Jorge Laterra, que vão competir entre si e só saberão seus adversários no dia da pesagem, após o sorteio das disputas. Todas as lutas do GP acontecerão ao longo das edições do Fight 2 Night e, na última edição do ano, a grande final premiará os campeões com os primeiros cinturões do evento.

Para finalizar a noite de lutas, sobem ao hexágono os atletas do card principal. Serão quatro disputas: o brasileiro Luiz Banha enfrenta o americano Matt Hamill, na categoria meio-pesado; Paulo Thiago, também do Brasil e vencedor da luta principal da primeira edição do Fight 2 Night, e o francês Fayçal Hucin, no peso-médio; as brasileiras Virna Jandiroba e Erika Almeida no peso-palha e entre os pesos-leves Killys Mota, do Brasil e Akihiro Gono, do Japão. As informações completas estão disponíveis também no http://stellabarros.rds.land/fight2night e nas lojas da operadora.

Torne-se um colaborador do Pós-Luta, ajude-nos a crescer e tenha seu nome no site. Conheça os benefícios de ser um colaborador. APOIA.SE!

17818524_293056191123969_2445890532547756032_n

Notícias, Press Release

Fight 2 Night divulga card de lutas!


Segunda edição do evento, que acontece em Foz do Iguaçu dia 28 de abril, terá dez lutas entre atletas nacionais e internacionais

Está confirmado o card de lutas para o Fight 2 Night em Foz do Iguaçu, no dia 28 de abril. Criado por Bruno Gagliasso, Roberto Baldacconi, Pedro Rizzo, Chico Salgado e Igor Morgado, a segunda edição do projeto será composta por dez lutas com atletas nacionais e internacionais. As disputas no hexágono têm início às 20h30 com duas lutas peso-palha do card preliminar, composto pelos brasileiros Jhonata Silva, que enfrenta Victor Carvalho, e Marina Alcalde vs. Samara “Marituba”. Em seguida, acontecem as quatro lutas do GP WELTERWEIGHT F2N, na categoria meio-médio masculino. Estão escalados os brasileiros William “Patolino” -finalista do The Ultimate Fighter Brasil 2, Luiz Cado – conhecido como Golden Boy, Junior Marques, Handesson Ferreira – o Crazy Boy, Edi de Castro e Junior Orgulho, o argentino Matias Juárez eo paraguaio Jorge Laterra, que vão competir entre si e só saberão seus adversários no dia da pesagem, após o sorteio das disputas. Todas as lutas do GP acontecerão ao longo das edições do Fight 2 Night e, na última edição do ano, a grande final premiará os campeões com os primeiros cinturões do evento.

Para finalizar a noite de lutas, sobem ao hexágono os atletas do card principal. Serão quatro disputas: o brasileiro Luiz Banha enfrenta o americano Matt Hamill, na categoria meio-pesado; Paulo Thiago, também do Brasil e vencedor da luta principal da primeira edição do Fight 2 Night, e o francês Fayçal Hucin, no peso-médio; as brasileiras Virna Jandiroba e Erika Almeida no peso-palha e entre os pesos-leves Killys Mota, do Brasil e Akihiro Gono, do Japão. O card de lutas ainda está sujeito à alteração.

A FESTA

Após as competições no hexágono do Fight 2 Night, tem início a grande festa com show da banda Jota Quest, com sucessos como “O Sol”, “Do seu lado” e “ Só Hoje”, além da apresentação do trio de DJs Make U Sweat, composto por Dudu Linhares, Pedro Almeida e Guga Guizelini, conhecidos no cenário da música eletrônica nacional e internacional com apresentações ecléticas e performáticas. Os ingressos para a segunda edição do FIGHT 2 NIGHT estão à venda pelo site www.allingressos.com.br, com valores que vão de R$ 57 a R$ 798.

Sobre o FIGHT 2 NIGHT

A ideia surgiu da paixão de Bruno Gagliasso e Roberto Baldacconi pelo MMA (artes marciais mistas) e pelo desejo de criar um evento diferente dos que existem no mercado nacional. Para colocar a ideia em prática e tornar o selo um dos maiores eventos de MMA para amadores da América Latina, os donos do projeto convidaram profissionais de diferentes expertises:  o treinador e veterano do UFC Pedro Rizzo, o personal fight Chico Salgado e o profissional de Marketing esportivo Igor Morgado, esse responsável por produzir o evento pela sua IMR MKT.

Torne-se um colaborador do Pós-Luta, ajude-nos a crescer e tenha seu nome no site. Conheça os benefícios de ser um colaborador. APOIA.SE!

Press Release

Alan Nuguette, das ruas para o Mundo


Foi nas ruas de Brasília, onde viveu e trabalhou como engraxate durante quase sete anos, que Alan Nuguette, hoje lutador profissional do Ultimate Fighting Championship, conheceu o projeto social que mudaria sua vida. O então menino de rua passou a dividir seus dias entre o trabalho e a capoeira, esporte que, pela primeira vez, permitiu que Alan sonhasse com uma vida melhor.

Foi muito difícil porque eu ficava o dia inteiro na rua trabalhando como engraxate e a noite eu ia treinar a capoeira em uma escola que ficava na quadra 206 Sul em Brasília. Desde o início eu acreditava em uma mudança na minha vida através do esporte. Foi quando comecei a sonhar em ser alguém, viajar com a capoeira, me destacar”.

Já consagrado no MMA, Nuguette conseguiu tudo graças ao esporte. Sem as condições ideais para treinar na adolescência, Alan faz questão de manter alguns projetos sociais pelo Brasil, e acredita que eles são fundamentais não só para o surgimento de novos talentos no país, mas principalmente para salvar a vida de muitos jovens carentes. ”Fui saber através desse projeto que eu poderia mudar minha vida. É isso que eu passo para as crianças dos meus projetos sociais espalhados pelo Brasil. É a chance da vida deles, tudo que eu queria no inicio era um tatame para treinar, hoje eles têm essa oportunidade que não tive. É muito gratificante saber que eu posso ajudar essas molecada através do esporte”.

Sem esquecer o passado, Alan segue fazendo planos para o futuro. Com 14 vitórias e apenas uma derrota na carreira, o objetivo do atleta da X-Gym é entrar no Top 10 da categoria peso-leve para depois buscar o tão sonhado título do UFC. Quanto ao futuro do MMA no Brasil, Nuguette vê potencial, mas acredita que ainda estamos atrás de muitos países que investem com seriedade no esporte.”Eu vejo uma crescente cada dia melhor aqui no Brasil. Temos muitos talentos, o que falta um pouco é apoio. Tanto o governo quanto as empresas privadas devem apoiar nosso esporte. O MMA é o esporte que mais cresce no mundo e não podemos fechar os olhos para esse mercado. Já para 2017, tomara que venham bons combates e mais vitórias. Entrar no top 10 do mundo é o objetivo agora. Depois vamos pensar no cinturão”.

*Texto originalmente escrito pela assessoria de imprensa do evento Jungle Fight.

Torne-se um colaborador do Pós-Luta, ajude-nos a crescer e tenha seu nome no site. Conheça os benefícios de ser um colaborador. APOIA.SE!